Imagens do acervo da BN estão na exposição “Um passeio pelo patrimônio do Rio”

quinta-feira, 16 de julho de 2015.
Evento
BNDES, exposição, agenda, agenda cultural, iconografia, gravura
Três gravuras do século XIX mostram cerimônias realizadas no Paço Imperial e uma fotografia do início do século XX retrata a Praia de Santa Luzia com a Santa Casa de Misericórdia. A mostra pode ser visitada até o próximo dia 14 de agosto.

galeria-1537-imagens-acervo-bn-estao-exposicao-um-passeio.jpg

Litografia colorida da firma Thierry Frères que mostra a aclamação de D. Pedro II em 7 de abril de 1831.
Litografia colorida da firma Thierry Frères que mostra a aclamação de D. Pedro II em 7 de abril de 1831.

De acordo com Álvaro Silva Fernandes, curador da exposição, as imagens foram escolhidas por mostrarem momentos significativos da história brasileira, acontecidos no Paço Imperial. “Devido à abrangência de tempo e à variedade de suportes, o acervo de Iconografia da Biblioteca Nacional (BN) foi considerado como a melhor fonte”, comenta o curador.

Como o maior interesse da exposição era sobre as cenas em si, mais do que sobre o trabalho artístico, as imagens, reproduzidas em fac-símile pela BN e cedidas em formato digital, foram ampliadas para dar mais visibilidade ao episódio retratado.

As peças expostas são:

  • uma gravura água-forte em preto e branco de Jean Baptiste Debret, reproduzindo a cerimônia da faustíssima aclamação de D. João VI, celebrada em 6 de fevereiro de 1818;
  • duas litografias, uma colorida e uma em preto e branca, da firma Thierry Frères, que mostram a aclamação de D. Pedro II, em 7 de abril de 1831; e
  • uma fotografia em preto e branco, feita por Jorge Kfuri em 1918, com paisagem panorâmica da praia de Santa Luzia, na qual se vê a Santa Casa de Misericórdia.

A mostra, que inaugurou a nova Galeria BNDES, convida os visitantes a percorrerem um roteiro especial, passando por bens históricos do Rio de Janeiro, alguns preservados e recuperados com o apoio do BNDES. Estão reunidos objetos, reproduções e obras cedidas por igrejas, museus e prédios públicos que marcaram a história dos 450 anos da cidade. Podem ser apreciados os estudos originais de Eliseu Visconti para o pano de boca do Theatro Municipal, pinturas, gravuras e fotografias da cidade, além de reproduções de altares barrocos e pinturas, entre outros itens.

A galeria fica na sede do BNDES, à Av. República do Chile, 100 – Centro, e funciona de segunda a sexta-feira, das 10h às 19h.

Gravura água-forte em preto e branco de Jean Baptiste Debret, reproduzindo a cerimônia da faustíssima aclamação de D. João VI, celebrada em 6 de fevereiro de 1818.
Litografia colorida da firma Thierry Frères que mostra a aclamação de D. Pedro II em 7 de abril de 1831.
Fotografia em preto e branco, feita por Jorge Kfuri em 1918, com paisagem panorâmica da praia de Santa Luzia, na qual se vê a Santa Casa de Misericórdia.