O Catálogo de Panizzi e os sistemas de catalogação do século XIX: uma análise dos modelos aplicados na Biblioteca Nacional e em bibliotecas cariocas.

Novembro, 2016
Autor(es): 
Gabriela Bazan Pedrão
Gabriela Bazan Pedrão
Pesquisa
bolsista doutorando, Catálogo de Panizzi, Catalogação, Biblioteca Nacional, organização da informação, Século XIX

Bolsista Doutoranda

A humanidade sempre se preocupou em organizar sua produção, principalmente para a posteridade. Passamos por diversos métodos, de listas a catálogos complexos. O presente artigo visa investigar quais foram as influências na organização da informação na Biblioteca Nacional e em outras bibliotecas cariocas como via de comparação. Seu primeiro catálogo sistemático é de 1883, em uma época onde novos modelos de catalogação estavam emergindo e revolucionando os sistemas de organização. Um deles foi o Catálogo de Panizzi, publicado em 1841, que inovou a catalogação moderna com ideias e regras até então nunca utilizadas, mas que não chegou a influenciar nossa Biblioteca. Este trabalho fará uma investigação sobre as razões pelas quais isso não aconteceu e analisará três catálogos da Biblioteca Nacional e três catálogos de outras bibliotecas cariocas, com o objetivo de investigar quais modelos eram utilizados e por que foram escolhidos em preferência ao Catálogo de Panizzi.